Bem Vindos ao nosso Fórum.
Acesse também a nossa página do FACEBOOK:

https://www.facebook.com/setegalo.com.br

Divisão CNH de motos em 3 categorias

Dicas de pilotagem segura, assim como dicas sobre seguros, cadeados, travas e truques contra o amigo do alheio além de informações sobre as leis.
Avatar do usuário
veneno
CBX 750 extreme
CBX 750 extreme
Mensagens: 1251
Registrado em: 20 Fev 2010 13:56
Moto Atual: CBX 750F TL
Localização: Novo Hamburgo-RS
Contato:

Divisão CNH de motos em 3 categorias

Mensagempor veneno » 11 Abr 2012 20:58

Vai dividir opiniões......


Projeto de lei pretende subdividir a CNH para motos em 3 sub-categorias


Proposta atual de Projeto de Lei pretende criar categorias de CNH por cilindrada para motos.

Quarta, 11 Abril 2012

Projeto de lei que tramita na Câmara dos Deputados quer voltar a subdividir a carteira de motociclista em três níveis, de acordo com a capacidade cilíndrica do motor da moto. Pelo projeto, as subcategorias seriam três: A1 para motos de até 150 cm³, A2 para as até 400 cm³ e A3 para todas as motos, sem restrições.

A ideia é boa, porém incompleta para realmente criar uma redução nos níveis de acidentalidade envolvendo motociclistas, o embasamento deste projeto.

Criar subcategorias para a concessão de CNH para motos por cilindrada da moto é apenas uma das partes da solução. Uma melhor abordagem seria incluir também o tempo de experiência numa determinada categoria. Por exemplo, a passagem da categoria A1 para A2 deveria considerar um tempo mínimo de 1 a 2 anos, bem como a passagem de A2 para A3.

Além disto, a categoria A1 deveria ter restrição de uso por perímetro, ou seja, assim como nos ciclomotores, limitar a capacidade de circulação dos condutores apenas ao perímetro urbano.

Estas medidas são defendidas tomando por base a acidentalidade como consequência e não como causa. Nesta tese entende-se que a verdadeira causa a ser atacada é a formação do motociclista, hoje falha e precária.

Apesar das inúmeras críticas que podem ser listadas sobre o atual processo de formação, é bom lembrar algumas dificuldades práticas enfrentadas pelos CFCs:

1o) O condutor deveria, em teoria, chegar ao CFC sem nenhum conhecimento acerca da condução de motos, pois, se tiver algum, o recebeu de forma, no mínimo, irregular. Sendo assim, O CFC teria a árdua tarefa de ensinar os fundamentos básicos de pilotagem e legislação para um condutor que deveria ter, no máximo, capacidade de equilíbrio adquirida sobre uma bicicleta. A experiência então adquirida seria realmente insuficiente para um uso em estradas ou de um veículo mais potente ou pesado, este último quesito, tal como já existe entre os carros e caminhões;

2o) O CTB já prevê o aprendizado com experiência prática em vias públicas, mas, no caso das motos, esta prática é quase impossível de ser implementada de forma assistida por um instrutor de trânsito, então, após um período, como o sugerido de 1 ou 2 anos, o pretendente à uma categoria A2 teria acompanhamento de um instrutor para desenvolver habilidades suficientes para a circulação em ruas e estradas, o que poderia ser feito por meio de intercomunicadores já existentes no mercado;

3o) A categoria A3, nesta proposta, deveria ser ministrada em autódromos por escolas de pilotagem capazes de passar técnicas avançadas para a condução de motos.

Acreditamos que, o conjunto destas medidas, poderia sim colaborar para uma melhor formação dos motociclistas e, portanto, reduzir a acidentalidade no trânsito.


"Lugar de homem é atrás do tanque... de uma moto!"

Avatar do usuário
FCarneiro
O céu é o limite
O céu é o limite
Mensagens: 905
Registrado em: 01 Jan 2010 22:15
Moto Atual: CBX 750F 1986 Red TL
Localização: Belo Horizonte - MG

Re: Divisão CNH de motos em 3 categorias

Mensagempor FCarneiro » 12 Abr 2012 00:00

Veneno,

Não sei dizer com exatidão, mas acredito que o maior número de acidentes aconteçam dentro dos perímetros urbanos com motos até 150 cilindradas, ou seja, com portadores de CNH A1, se o projeto for aprovado. Posso estar enganado, mas a subdivisão reduziria muito pouco o número de acidentes.

O que falta mesmo é consciência por parte dos motociclistas, ou melhor motoqueiros, e fiscalização por parte dos órgãos reguladores de trânsito. Infelizmente, tem que doer no bolso pro cidadão entender que existem regras.

Um abraço.


Fernando Carneiro
De Albert Einstein para seu filho Eduard: "A vida é como andar de bicicleta, para manter o equilíbrio é preciso estar em constante movimento".

Avatar do usuário
Véio Mussa
El matador
El matador
Mensagens: 4927
Registrado em: 19 Ago 2006 21:08

Re: Divisão CNH de motos em 3 categorias

Mensagempor Véio Mussa » 12 Abr 2012 00:06

Gurizada....

Já tem um outro tópico a respeito desse assunto rolando a alguns dias....

viewtopic.php?f=15&t=10275



Avatar do usuário
veneno
CBX 750 extreme
CBX 750 extreme
Mensagens: 1251
Registrado em: 20 Fev 2010 13:56
Moto Atual: CBX 750F TL
Localização: Novo Hamburgo-RS
Contato:

Re: Divisão CNH de motos em 3 categorias

Mensagempor veneno » 12 Abr 2012 06:18

Pois é Mussoi, agora que vi, mas acho que aquele tópico esta no lugar errado, por isso não vi e postei esse aqui, aonde acredito ser o lugar correto.... abraço!


"Lugar de homem é atrás do tanque... de uma moto!"

Avatar do usuário
Alex Red
Administrador
Administrador
Mensagens: 6999
Registrado em: 22 Mar 2007 13:03
Moto Atual: Nenhuma
Localização: Rio de Janeiro-RJ
Contato:

Re: Divisão CNH de motos em 3 categorias

Mensagempor Alex Red » 13 Abr 2012 13:11

Bom já temos um tópico mais antigo com o mesmo assunto
viewtopic.php?f=15&t=10275 , sendo assim esse está trancado :wink:


Galo vendida............aguardem a próxima VRUM VRUM VRUM


Voltar para “Segurança e Legislação”

Quem está online

Usuários navegando neste fórum: Nenhum usuário registrado e 2 visitantes